O testemunho de uma experiência humana: uma análise enunciativa

Márcio Battisti, Claudia Stumpf Toldo Oudeste

Resumo


Neste estudo, tomamos como instrumento de análise a teoria da enunciação apresentada na obra de Émile Benveniste (2006) e o pensamento filosófico de Giorgio Agamben (2008), no que diz respeito à noção de testemunha para descrevermos a relação entre linguagem, homem e língua no processo de construção de um testemunho sobre um caso de agressão a uma professora catarinense, ocorrido em 2017.  

Palavras-chave: Enunciação; testemunha; discurso político. 


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.22409/cadletrasuff.2019n59a697

Apontamentos

  • Não há apontamentos.



ISSN (online) 2447-4207
ISSN (impresso) 1413-053X


Indexado em:

Periódicos Capes    Diadorim Sumarios.org   Sumarios.org Livre Latindex MLA DOAJ


Licença Creative Commons
O periódico Cadernos de Letras da UFF utiliza uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional (CC BY-NC 4.0).