A representação do sertão no imaginário nacional

Ana Carolina Negrão Berlini de Andrade

Resumo


O presente trabalho discute as representações e concepções de “sertão”, espaço recorrente na literatura nacional, sobretudo nas vertentes regionalistas. Nesse sentido, propomos um percurso que evidencie a transformação diacrônica desse termo espacial, dando ênfase para a mudança conceitual operada que associa o sertão, primeiramente concebido como espaço ermo e distante das capitais, à aridez e à seca.


Palavras-chave


sertão; literatura e espaço; regionalismo.

Texto completo:

PDF

Referências


ANSELMO, R.C.M.S.; ARAÚJO, K.F. 1915: a seca e o sertão sob o olhar de Raquel de Queiroz. Estudios Historicos. Uruguai, 2009. Disponível em: http://www.estudioshistoricos.org/edicion_3/araujo-martins.pdf. Acesso em: 28 mai 2014.

ARRIGUCCI JR. D. O sertão em surdina. Literatura e Sociedade, São Paulo, 2000. Disponível em: http://www.revistas.usp.br/ls/article/view/18330. Acesso em: 17 jul 2014.

BOSI, A. História concisa da literatura brasileira. São Paulo: Cultrix, 2006.

BRITO, R.C. Galileia. Rio de Janeiro: Objetiva, 2009.

CANDIDO, A. Formação da literatura brasileira. v. 2. São Paulo: Martins, 1959.

CANDIDO, A. Literatura e Sociedade. São Paulo: Publifolha, 2000.

CUNHA, E. Os sertões. Rio de Janeiro: Centro Edelstein de pesquisas sociais, 2010. Ebook Kindle.

FREYRE, Gilberto. Manifesto regionalista. 7.ed. Recife: FUNDAJ, Ed. Massangana, 1996. p.47-75.

GABURO, V. R.P. O sertão vai virar gente: Sertão e identidade nacional em Afonso Arinos. 2009, 148f. Dissertação (Mestrado em História Social das Relações Políticas) – Universidade Federal do Espírito Santo, Vitória.

GALVÃO, W.N. Anotações à margem do regionalismo. Literatura e Sociedade. São Paulo, 2000. Disponível em: http://www.revistas.usp.br/ls/article/view/18327. Acesso em: 17 jul 2014.

JAKOB, M. Il paesaggio. Bologna: Il Mulino, 2009.

LANDIM, T. Seca: a estação do inferno. Fortaleza: Casa de José de Alencar/Programa Editorial, 1992.

LEITÃO JR.; ANSELMO, R.C.M.S. O sertão na literatura nacional: O expansionismo do projeto modernizador na formação territorial brasileira. Revista Geográfica de América Central. Costa Rica, 2011. Disponível em: http://www.repositorio.una.ac.cr/handle/11056/5526. Acesso em: 29 mai 2014.

LIPPI, L. A conquista do espaço: sertão e fronteira no pensamento brasileiro. História, Ciências, Saúde – Manguinhos. Rio de Janeiro, 1998. Disponível em: http://bibliotecadigital.fgv.br/dspace/bitstream/handle/10438/6648/LuciaLippi_MANGUINHOSv5s0.pdf?sequence=1&isAllowed=y . Acesso em:: 22 jul 2014.

MORAES, A.C. R. O Sertão: um outro geográfico. Terra Brasilis, 2003. Disponível em: http://terrabrasilis.revues.org/34. Acesso em: 17 jul 2014.

NEVES, F.C. A miséria na literatura: José do Patrocínio e a seca de 1878 no Ceará. Tempo. Niterói, 2007. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-77042007000100005. Acesso em:: 20 mar 2015.

RIBEIRO, D. O povo brasileiro: A formação e o sentido do brasil. São Paulo: Companhia das letras, 1995. Disponível em: http://www.usp.br/cje/anexos/pierre/ribeiro_darcy_povo_brasileiro_formacao_e_o_sentido_do_brasil.pdf

SANTINI, J. Entre a memória e a invenção: a tradição na narrativa brasileira contemporânea. Revista Cerrados. Brasília, 2009. Disponível em: http://www.revistacerrados.com.br/index.php/revistacerrados/article/view/106/84 Acesso em:: 16 jul 2011.




DOI: http://dx.doi.org/10.22409/cadletrasuff.2019n58a654

Apontamentos

  • Não há apontamentos.



ISSN (online) 2447-4207
ISSN (impresso) 1413-053X


Indexado em:

Periódicos Capes    Diadorim Sumarios.org   Sumarios.org Livre Latindex MLA DOAJ


Licença Creative Commons
O periódico Cadernos de Letras da UFF utiliza uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional (CC BY-NC 4.0).