Uma análise da historicidade de sentidos de ensino de língua portuguesa

Ronaldo Adriano de Freitas

Resumo


Situado no campo teórico da História das Ideias Linguísticas em interlocução com a Análise do Discurso, o artigo apresenta uma historização dos sentidos de ensino de língua portuguesa. Propõe ainda a noção de instrumentos educacionais, em contraste com instrumentos linguísticos e instrumentos pedagógicos.


Palavras-chave


historização; ensino de língua portuguesa; instrumentos educacionais.

Texto completo:

PDF

Referências


AUROUX, Sylvain. A Revolução tecnológica da Gramatização. Tradução de E. P. ORLANDI. 2a. ed. Campinas: UNICAMP, 2009.

BALDINI, Lauro José Siqueira.. A NGB e a autoria no discurso gramatical. Língua e Instrumentos Lingüísticos, Campinas, v. 1, p. 97-107, 1998.

BRASIL. Presidência da República. Constituição dos Estados Unidos do Brasil. Rio de Janeiro, 18 set. 1946.

______. Lei no 4.024, de 20 de dezembro de 1961 Fixa as Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 27 dez. 1961.

DELA SILVA, Silmara. O acontecimento discursivo da televisão no Brasil: A imprensa na constituição da TV como grande mídia. Tese de doutorado. Universidade Estadual de Campinas. 2008.

DIAS, Luis Franciso. O nome da língua no Brasil: uma questão polêmica. In: Eni P. Orlandi. (Org.). História das Ideias Linguísticas: construção do saber metalinguístico e constituição da língua nacional. Campinas (SP): Pontes/Unemat Editora, 2001, v. , p. 185-198.

GADOTTI, Moacir. Educação brasileira contemporânea: desafios do ensino básico. 1995. Disponível em www.paulofreire.org. Acesso em 20 ago. 2015.

GUIMARÃES, Eduardo. História da Semântica: sujeito, sentido e gramática no Brasil. Campinas: Pontes, 2004.

______ Sinopse dos estudos de português no Brasil. Relatos, Campinas, 1993. 3-20. Disponivel em: . Acesso em: 26 ago 2015.

LEITE, Fabiana Raquel A Língua Geral Paulista e o ‘Vocabulário Elementar da Língua Geral Brasílica’ Dissertação de mestrado. Universidade Estadual de Campinas. 2013.

MARIANI, Bethania. A institucionalização da Língua, História e Cidadania no Brasil do Século XVIII: O papel das Academias Literárias e da Política do Marquês de Pombal. In: ORLANDI, E. P. História das Ideias Linguísticas: A construção do saber metalinguísico e constituição da língua nacional. Campinas/Cáceres: Pontes/UNEMAT, 2001. p. 99 -124.

______ Colonização linguística. Campinas, Pontes, 2004

MEDEIROS, Vanise Gomes; PACHECO Denise. Materiais didáticos de língua portuguesa: reflexões acerca do lugar do professor. In: DAHER, M. D. C. et ali. Trajetórias em Enunciação e Discurso – Práticas de Formação Docente. São Carlos, SP: Claraluz, 2009.

ORLANDI, Eni Puccinelli. História das Ideias Linguísticas: Construção do Saber Metalinguístico e Constituição da Língua Nacional. Campinas/Cáceres: Pontes/Unemat, 2001.

______ Língua brasileira e outras histórias. Discurso sobre a língua e a escola no Brasil. Campinas: Editora RG, 2009

PAGOTTO E. Variação e (é) identidade. Tese de Doutorado. Instituto de Estudos da Linguagem. UNICAMP. 2001

SAVIANI, Demerval. História das Ideias pedagógicas no Brasil. Campinas: Autores Associados. 2007

ZOPPI-FONTANA, Mónica Graiela. Objetos Paradoxais e Ideologia. Estudos da Língua(gem), Vitória da Conquista , v. n. 1, p. 41-59 , junho 2005. Disponível em:

. Acesso em 18 abr. 2014.

______ e DINIZ, L. R. A. Declinando a língua pelas injunções do mercado: institucionalização do português língua estrangeira (PLE). ESTUDOS LINGÜÍSTICOS, São Paulo, v. 3 , n. 37, p. 89-119, set.-dez 2008




DOI: http://dx.doi.org/10.22409/cadletrasuff.2018n57a605

Apontamentos

  • Não há apontamentos.



ISSN (online) 2447-4207
ISSN (impresso) 1413-053X


Indexado em:

Periódicos Capes    Diadorim Sumarios.org   Sumarios.org Livre Latindex MLA DOAJ


Licença Creative Commons
O periódico Cadernos de Letras da UFF utiliza uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional (CC BY-NC 4.0).