Construção da ficção em Acarnenses, de Aristófanes

Jane Kelly Oliveira

Resumo


Neste artigo, vamos mostrar particularidades da construção da ilusão teatral na comédia grega antiga e tomaremos Acarnenses (425 a.C.), de Aristófanes, como obra de análise, fazendo a investigação das marcas linguísticas que podem denotar a ruptura da ilusão. Para tal, faz-se necessário avaliar a estrutura enunciativa e definir quais são os enunciadores e os enunciatários do discurso.

 

---

DOI: http://dx.doi.org/10.22409/cadletrasuff.2018n56a556


Palavras-chave


Aristófanes; Acarnenses; ilusão dramática.

Texto completo:

PDF

Referências


BOGATYREV, P. “O signo do teatro” in: INGARDEN e outros. O signo teatral. Trad e org Luiz Arthur Nunes e outros. Porto Alegre: Globo, 1977. p. 15-32.

JAKOBSON, Roman. Linguística e comunicação. Tradução J. Blikstein e José Paulo Paes. São Paulo: Cultrix, 1992.

KOWZAN, T. O Signo no Teatro. In: INGARDEN e outros. O signo teatral: a semiologia aplicada à arte dramática. Organização e tradução de Luiz A. Nunes e outros. Porto Alegre: Globo, 1977, p. 57-83.

MALHADAS, D. O espetáculo na tragédia grega. Itinerários, Araraquara, n. 5, p. 49-60, 1993.

MOUNIN, G. Introduction à la sémiologie. Paris: Les Editions de Minuit, 1970.

PAVIS, P. Dicionário de teatro. Tradução de J. Guinsburg e Maria Lúcia Pereira. São Paulo: Perspectiva, 1999.

POMPEU, Ana Maria César. Dioniso matuto: uma abordagem antropológica do cômico na tradução de Acarnenses de Aristófanes para o cearensês. Curitiba: Appris, 2014.

RYNGAERT, J. Introdução à análise do teatro. Trad. Paulo Neves. São Paulo: Martins Fontes, 1995.

SLATER, N. W. Making the aristophanic audience. American Journal of Philology, Baltimor, vol 120, n. 3, p. 351-367, 1999.

SOMMERSTEIN, A. H. Acharnians. Warminster: Aris & Philips, 1998.

SOUZA E SILVA, M. F. Aristófanes. Os Acarnenses. 2. ed. Coimbra: INIC, 1988.

UBERSFELD, Para ler o teatro. Tradução de José Simões (Coord.). São Paulo: Perspectiva, 2005.

UBERSFELD, A. Lire le théâtre. Paris: Éditions Sociales, 1978.

VAN DAELE, H; COULON, V. Les Acharniens. Les Cavaliers. Les Nuées. 11e. tirage revu et corrigé. Paris: Les Belles Lettres, 1980. (Aristophane. Oeuvres, tome I)




DOI: http://dx.doi.org/10.22409/cadletrasuff.2018n56a556

Apontamentos

  • Não há apontamentos.



ISSN (online) 2447-4207
ISSN (impresso) 1413-053X


Indexado em:

Periódicos Capes    Diadorim Sumarios.org   Sumarios.org Livre Latindex MLA DOAJ


Licença Creative Commons
O periódico Cadernos de Letras da UFF utiliza uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional (CC BY-NC 4.0).