O Héracles de Sófocles: um monstro ou o herói civilizador?

Francisco Alison Ramos da Silva

Resumo


Este artigo visa analisar a função da personagem Héracles na peça As Traquínias, de Sófocles. Ao matar uma infinidade de monstros, o maior herói da Grécia torna possível o nascimento e a permanência da pólis (cidade). Mas isso só acontece depois que o filho de Zeus, também monstruoso, abraça o seu destino trágico e paradoxal, destituindo-se de sua própria identidade: a de herói.

 

---

DOI: http://dx.doi.org/10.22409/cadletrasuff.2018n56a525


Palavras-chave


Héracles; monstros; civilização.

Texto completo:

PDF

Referências


ARISTÓFANES. Os acarnenses. Introdução, versão do grego e notas de Maria de Fátima Sousa e Silva. Instituto Nacional de Investigação Científica: Coimbra, 1985.

HEIDEN, Bruce. Tragic rhetoric, an interpretation of Sophocles’s Trachiniae. Peter Lang: New York, 1989.

JOUANNA, Jacques. Sophocle. Fayard: Paris, 2007.

KAHN, Charles. A arte e o pensamento de Heráclito. Tradução de Alexandre S. de Santi, Bruno Conte e Élcio de Gusmão Verçosa Filho. Paulus: São Paulo, 2009.

KITTO, H. D. F.. A tragédia grega, estudo literário, V. II. Tradução de José Manuel Coutinho e Castro. UC: Coimbra, 1990.

OVÍDIO. Metamorfoses. Tradução de Vera Lúcia Leitão Magyar. Madras: São Paulo, 2003.

REINHARDT, Karl. Sófocles. Tradução de Oliver Tolle. Editora Universidade de Brasília: Brasília, 2007.

SEGAL, Charles. La musique du sphinx, poésie dans la tragédie grecque. Éditions La découverte: Paris, 1987.

SÓFOCLES. As Traquínias. Tradução de Flávio Ribeiro de Oliveira. Editora Unicamp: São Paulo, 2009.

____. Filoctetes. Tradução de José Ribeiro Ferreira, 3ª edição. Fundação Calouste Gulbenkian: Coimbra, 1997.




DOI: http://dx.doi.org/10.22409/cadletrasuff.2018n56a525

Apontamentos

  • Não há apontamentos.



ISSN (online) 2447-4207
ISSN (impresso) 1413-053X


Indexado em:

Periódicos Capes    Diadorim Sumarios.org   Sumarios.org Livre Latindex MLA DOAJ


Licença Creative Commons
O periódico Cadernos de Letras da UFF utiliza uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional (CC BY-NC 4.0).