Línguas, escola e sujeito surdo: análise do “relatório sobre a política linguística de educação bilíngue – língua brasileira de sinais e língua portuguesa”

Angela Corrêa Ferreira Baalbaki

Resumo


A partir de uma posição discursiva, o artigo propõe analisar um relatório do Ministério da Educação (MEC) sobre política linguística de educação bilíngue para surdos. Buscou-se verificar como é construída a relação do sujeito surdo com os vestígios de uma me­mória de língua interditada (PAYER, 2001) e o modo de inscrição em uma materialidade simbólica específica, a Libras, em relação à Língua Portuguesa.


Palavras-chave


Línguas em confronto; Educação Bilíngue para surdos; Análise do Discurso.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.22409/cadletrasuff.2016n53a261

Apontamentos

  • Não há apontamentos.



ISSN (online) 2447-4207
ISSN (impresso) 1413-053X


Indexado em:

Periódicos Capes    Diadorim Sumarios.org   Sumarios.org Livre Latindex MLA DOAJ


Licença Creative Commons
O periódico Cadernos de Letras da UFF utiliza uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional (CC BY-NC 4.0).